De A a Z, tudo se pode fazer DE OUTRA MANEIRA...
 

A casa dos meus pais

Desfazer aquilo que foi a casa dos nossos pais é um dos marcos que define a nossa história de vida. É uma tarefa pesada, muito pesada.

Enquanto tentamos lidar com o amontoado de objetos a que vamos, necessariamente, ter que dar um destino, assaltam-nos memórias de pessoas e episódios há muito esquecidos.

No meu caso, a fotografia e o vídeo foram ajudas indispensáveis para ultrapassar a situação.

Para este filme escolhi a música de Peyman Yasdanian, o meu compositor iraniano favorito.  Nos discos que tenho da “Hermes Records”, uma editora de Teerão dirigida pelo meu amigo Ramin Sadighi, consegui encontrar os temas para construir a banda sonora, que foi o primeiro passo deste projeto.  Para o epílogo, utilizei a música do “Baroque Jazz Ensemble”.

Manuel Rosário
Dezembro, 2021

A CASA DOS MEUS PAIS

Foto e video de Manuel Rosário

Partilhar
Escrito por

Médico Gastroenterologista, nasceu em Lisboa em 1951. Fez o curso de Medicina na Faculdade de Medicina de Lourenço Marques e Faculdade de Medicina de Lisboa. Fez a especialidade no Harlem Hospital em Nova Iorque. Vive em Lisboa desde 1986.

COMENTAR

Últimos comentários
  • Avatar

    Evocativo, Veemente, Nostálgico, um todo coerente com os Sussurros a rematar….
    Uma beleza !
    Obrigado Manel

  • Avatar

    Muito bonito!
    Passei pelo mesmo há uns meses, coisa difícil….

  • Avatar

    Gostei muito Mane’ !!

    vovo

  • Avatar

    Muito bonito

  • Avatar

    Uma maravilha Mané, os meus sinceros parabéns e um abraço!

  • Avatar

    Palavras para quê? Emoção sincera e profunda expressa com sobriedade e contenção. E um final a enterrar o passado e apontado ao futuro. Perfeito. Parabéns.

  • Avatar

    Gostei muito. Muito bonito. E fechar as portas ao passado e os que vierem que sejam muito felizes…Gostei muito

  • Manuel Rosario

    O filme foi feito num período muito especial. Fico muito feliz por vocês terem gostado!

  • Avatar

    Hola Manuel, que bonito homenaje a tus Padres. Esta bellísimo y lleno de nostalgia. Cada rincón de la casa muestra la personalidad y gusto de ellos. Fabuloso en todos los aspectos. Un legado único para los sucesores de la familia.
    Un fuerte y cariñoso abrazo
    Maria Luisa DeGuzman

  • Avatar

    Muito comovente e bem escrito…